Visão Geral

A exposição à radiação ionizante é um fato que acontece diariamente nas nossas vidas atualmente. Nós estamos expostos à radiação do sol, do solo e do nosso ambiente. Além disso, ao longo do tempo, nós podemos ser expostos a isso como parte de um exame médico, por exemplo, sob a forma de um exame de raios-X.

Há pouco que possamos fazer para reduzir nossa exposição à radiação de ocorrência natural sem atrapalhar a nossa rotina e estilo de vida. Quando falamos de exposição à radiação durante um exame médico, entretanto, todos têm um papel a cumprir: fabricantes de equipamentos, médicos e radiógrafos – as pessoas que operam os aparelhos – assim como as pessoas que estão sendo examinadas.

Fabricantes de equipamentos de imagens médicas adotam todos os passos possíveis para deixar a dose efetiva dos seus aparelhos tão baixa quanto razoavelmente possível enquanto disponibiliza aos médicos a informação mais detalhada possível. Para manter a exposição mínima à radiação tanto para paciente quanto equipe médica – e abaixo dos limites regulatórios – fabricantes utilizam o princípio “Tão Baixa Quanto Razoavelmente Possível” ou ALARA quando desenham o seu equipamento. Existem alguns caminhos básicos que ajudam a alcançar isso: utilizar os componentes e tecnologias mais dose-eficientes disponíveis, garantir que os parâmetros ótimos de varredura para o respectivo paciente e exame sejam utilizados assim como a blindagem das partes do corpo que não estão sendo examinadas.

Na prática médica ou de hospital, ambos  médico e radiógrafo dividem a responsabilidade de reduzir a dose da radiação. Para o médico, isso significa, por exemplo, garantir que o exame de imagem apropriado seja pedido e apenas quando for absolutamente necessário e justificado. Para o radiografo, isso significa uma otimização cuidadosa da dose de radiação utilizada durante cada procedimento.

Como paciente ou pai de uma criança a ser examinada, você pode dar uma contribuição para a redução da dose de radiação seguindo cuidadosamente as instruções dadas a você pelo radiografo. Se você necessita de avaliações médicas regulares ou tratamento com diversos médicos diferentes, é aconselhável manter o seu próprio histórico de raios-X ou varredura tal que você possa fornecer o seu “histórico de imagens” a outros praticantes de medicina como dentistas. Você encontrará mais informações sobre cada um destes assuntos dentro das respectivas seções.

  • What manufacturers do

    O que os Fabricantes Fazem

    Fabricantes de equipamentos de imagens médicas adotam todos os passos possíveis para deixar a dose efetiva dos seus aparelhos tão baixa quanto razoavelmente possível enquanto disponibiliza aos médicos excelente qualidade de imagem.

  • Fig. 1:

    O Que os Profissionais de Cuidados com a Saúde Fazem

    Da decisão da necessidade de um diagnóstico baseado em imagem à otimização das condições para obter imagens médicas validas, médicos e radiógrafos fazem de tudo que podem para manter a exposição a radiação a mais baixa possível.

  • Fig. 1:

    O Que os Pacientes Podem Fazer

    Quando se trata de exposição à radiação durante exames médicos, existe um grande número de coisas que os pacientes podem fazer para auxiliar na redução da exposição antes, durante e depois do exame.

  • Fig. 1:

    O Que os Pais Podem Fazer

    O efeito da radiação nas crianças, com seus corpos em crescimento e órgãos em desenvolvimento em crescimento, é diferente do efeito em adultos e considerações especiais precisam ser levadas em consideração na imagem médica.

Ultima atualização: Nov 27, 2012

Informação Confiável sobre Saúde

Este website foi submetido à Fundação Health On the Net, uma organização independente que promove informação de saúde online de qualidade, objetiva e transparente para a certificação da HONcode.